À mão ou no computador? - Escritor C F Scuo
C F ScuoVida de escritor

À mão ou no computador?

Ilustração de máquina de datilografar para o post intitulado 'À mão ou no computador?'
Escrever à mão ou digitar um texto em processador de texto possui alguma importância? Há quem diga que não. Talvez porque se mantenham indiferentes às peculiaridades de um e do outro ato de escrita. São modos distintos de escrever e podem influenciar na elaboração do texto.

Uma primeira distinção se refere à velocidade. Digitar geralmente é mais rápido do que escrever à mão, o que pode ser benéfico para quem trabalha com prazos apertados ou que precisam colocar no papel rapidamente suas ideias, de modo a não perdê-las.

Por ser um processo mais lento, escrever à mão convida o autor a lidar com o tempo morosamente, fomentando um pouco mais de ponderação a respeitos das ideias e sua transformação em texto escrito.

Outra distinção diz respeito ao aspecto físico. Ao digitar, os escritores hoje em dia utilizam um teclado e não precisam se preocupar com o esforço de escrever à mão. Em especial devido à falta de hábito.

A digitação se torna útil para quem sente desconforto ou dor ao escrever à mão por longos períodos de tempo. Representa uma experiência mais pobre, sem a mesma riqueza física e sensorial da escrita à mão - características que ainda agradam a inúmeros escritores.

A forma de escrever também interfere na produção da obra. A digitação em editores de texto revolucionou a prática da escrita, pois facilita a realização de edições e correções no texto. Praticamente, à medida em que se escreve, o autor dispões da opção de quase instantaneamente editar o texto escrito, rapidamente e sem grandes obstáculos.

O mesmo não ocorre quando se escreve à mão. Em trabalhos manuscritos, edições demandam alterações físicas no texto e papel. De certa maneira, a escrita à mão impõe uma menor flexibilidade nas etapas de produção da obra, o que pode ser positivo para quem precisa se dedicar primeiro à criação do texto, para somente em seguida passar à edição e correção.

No geral, a escolha entre digitação e escrever à mão dependerá das necessidades individuais do escritor. Sei que o poeta crroma normalmente escreve à mão. Poderia acrescentar também aqueles que preferem ditar o livro a uma pessoa ou a um programa computacional.

Minha predileção é por digitar o texto, mas procuro explorar todas as opções disponíveis. Antes que a inteligência artificial substitua o escritor por uma máquina.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

| Designed by Colorlib